Quais são as suas prioridades?

Imagem: Vanessa Maritza Fotografia

No post anterior, a Mari falou sobre as diversas possiblidades para um parto e contou um pouco a experiência e escolhas que ela fez.

Talvez você esteja se perguntando “mas e como eu vou fazer as minhas escolhas?”. Como tudo que envolve o Gestar, Parir e Cuidar, não existe resposta certa (nem errada viu).

Como olhar pra dentro de você e descobrir quais caminhos quer seguir? Que tal começar listando suas prioridades e o que faz mais sentido pra você?⠀

  • Você se sente mais segura num parto domiciliar ou na maternidade?
  • A presença de um obstetra é importante?
  • No que você quer investir, financeiramente falando? Preparação, doula, enxoval, fotos, móveis, guardar dinheiro para se afastar do trabalho por mais tempo?
  • É importante pra você ter um parto normal sem intervenções desnecessárias?
  • Você deseja a autonomia ou está tudo bem se o profissional fizer as escolhas?⠀

Tenho certeza que você vai encontrar muitas outras perguntas aí dentro do ❤

Como doula, o que posso te dizer sem medo de errar é: Se você quer ter um parto humanizado, você e sua rede de apoio precisam se preparar. Entender os processos, as intervenções e questionar os profissionais sobre práticas desatualizadas.

Para parir não basta querer, se munir de informações é necessário. A autonomia começa quando você não se apega a um determinado profissional, mas busca aqueles que estão dispostos a te ajudar a ter a experiência que você deseja.

E lembre-se sempre do SUS. Em muitas cidades (incluindo Piracicaba), você pode ter uma experiência bacana fora dos planos de saúde.