Jennifer: Mãe do Akira e da Helena

Quando conheci a Mari na minha primeira rodas de gestantes, já sabia que ela ia ser a minha doula. Não só pela confiança que me passou, mas também pela admiração pelo seu trabalho. Me certifiquei disso assim que recebi o Akira nos meus braços, ali tive certeza que nada no meu parto humanizado poderia ter sido tão maravilhoso se ela não estivesse ali. A dor existe, mas o sofrimento é opcional e ela com toda a sua sabedoria pode me mostrar esse caminho. 

E ali surgiu um vínculo tão sagrado, como algo que está se perdendo na sociedade: a cumplicidade entre mulheres. Uma relação com base em sabedoria e regada de empatia, sensibilidade e amor. Sim, amor, muito amor. Foi no momento que quase desisti que ali ela foi a única pessoa que confiei em sussurrar em seu ouvido que “eu não estava mais aguentando”. E ela me respondeu com um abraço e um beijo: “está tudo bem meu amor”. Este simples gesto veio no momento que mais precisei, foi uma das sensações mais confortantes que já recebi, um acolhimento que me empoderou a enfrentar ainda mais o que estava por vir. 

Ela esteve ali para me ajudar a me transformar e viver essa passagem para a maternidade numa experiência recheada em confiança e muita tranquilidade. 

Conheça o Universo do Parto Humanizado

Depoimentos

Nathália: Mãe do Gael

Durante a minha gestação procurei criar uma rede de apoio com pessoas engajadas em promover saúde e bem-estar à gestante, que trouxesse informações técnicas e

Depoimentos

Selma: Mãe da Manuela

Minha trajetória com as meninas da TuVens começou bem no início da minha gestação, 12 semanas. Foi minha irmã que contactou a Adriana e ela

Quer saber mais sobre Parto Humanizado?

Entre em contato conosco

Enviar Mensagem
Olá, envie sua mensagem. Responderemos assim que possível. Agradecemos desde já. Obrigada.