Ansiedade e Maternidade

Eita que a Ansiedade e a Maternidade andam juntas né não mulherada?!

Ultimamente estou com dificuldades de fazer Caêzinho dormir nas sonecas do dia. Nunca foi minha parte favorita da maternidade, mas tem épocas que super flui, outras já são bem mais desafiadoras, como quase tudo no maternar, vamos combinar?!

Enfim, um dia desses, depois de uma tentativa mal sucedida, Diego me perguntou se estava ansiosa (declaro aqui publicamente minha “invejinha” pois ele faz o rebento dormir em 5min 😂). Eu realmente estava (estou, sou) ansiosa, mas disfarço bem, ou não 😂.

Estava ansiosa pois minha meta (sabe de nada inocente) era terminar um texto pra TuVens e dar um gás no trabalho de ADM em Saúde Pública enquanto ele dormisse.

Estava ansiosa pela minha sensação constante de “não estar dando conta” de tudo, de estar mais inteira para além de filho, trabalho, faculdade e boletos a pagar 😱, como por exemplo a nutrição da nossa relação como um casal.

E toda essa minha ansiedade reflete diretamente no meu maternar. Por nossas conexões profundas, Caê sente tudo e mais um pouco.

Refletindo mais profundamente, me veio o quanto a maternidade nos traz ansiedade de todos os mais diversos tipos e em todas as fases da cria.

Ficamos ansiosas para o bebê chegar, depois para ele mamar, balbuciar, rolar, sentar, comer, engatinhar, andar, falar, correr, desfraldar, criar autonomia, ler, escrever, ser, adolescer, crescer e voar.

Jesuixs amado😱

Como é importante o RESPIRAR. O quanto precisamos lembrar diariamente dele.

Respiremos para não cairmos nesse ciclo doido e acelerado que a ansiedade traz, para respeitar os tempos dos pequenos, para contemplar mais e esperar menos, para nutrir a eles e a nós mesmas, para cuidar e amar. PARA NÃO PIRAR.

Conheça o Universo do Parto Humanizado

Depoimentos

Nathália: Mãe do Gael

Durante a minha gestação procurei criar uma rede de apoio com pessoas engajadas em promover saúde e bem-estar à gestante, que trouxesse informações técnicas e

Depoimentos

Selma: Mãe da Manuela

Minha trajetória com as meninas da TuVens começou bem no início da minha gestação, 12 semanas. Foi minha irmã que contactou a Adriana e ela

Quer saber mais sobre Parto Humanizado?

Entre em contato conosco

Enviar Mensagem
Olá, envie sua mensagem. Responderemos assim que possível. Agradecemos desde já. Obrigada.